segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

É uma corrida louca.

É uma corrida louca. Agarrando as saias cheias de folhos que se agitam com o movimento das pernas, corre a espanhola em aflição, a gritar com as faces coradas, lábios e olhos pintados, cuidadosamente combinados com o cetim vermelho de bolinhas pretas. A sua mantilha negra presa aos cabelos tomba e baloiça sobre as costas e a ela se agarra, num pulo, a noiva, de vestido imaculado e véu puxado para trás. Prendem-se as duas numa luta, à qual se junta, num ápice, a Branca de Neve, baixinha e desajeitada, e uma enfermeira gorducha, de bata até aos joelhos, meias brancas e ténis cor-de-rosa. As quatro puxam, com esforço e aos berros, uma varinha mágica brilhante e comprida. De mãos dadas chegam a fada, de azul claro e dourado, e a Bruxa, de negro e roxo, lábios escuros e uma enorme verruga no nariz. Em comum têm os chapéus pontiagudos e gargalhadas estridentes, e ficam a ver a luta.
Sem se deixar perturbar, baloiça-se uma árvore a Índia, vai dando cambalhotas à medida que fala, com maior ou menor esforço, com uma Joaninha que salta à corda.
A correr com os braços bem abertos, vem o Homem-Aranha, vermelho e azul, um Super-Homem que agarra a ponta da capa, o Noddy com o seu lenço e gorro tortos e, bem mais atrás, um atrapalhado palhaço de fato amarelo aos quadrados coloridos, gola farfalhuda, cabelo verde, nariz vermelho e sapatões que mais parecem umas volumosas barbatanas.
Chega também um Vampiro, de negra capa e cartola, dentes aguçados e sangue que escorre por ambos os cantos da boca. Dirige-se à luta e, com a ameaça de uma dentada nas mãos da espanhola, arranca-lhe a varinha. A noiva reage, com o véu torto e despenteada, e grita o mais alto que pode.
Num canto, debruçados sobre o muro, estão um cowboy, de camisa aos quadrados e chapéu preto, e um Zorro, olham ambos com atenção para o écran de um Magalhães.
Soa uma campainha num toque alto e longo. Todos se direccionam para o mesmo lado. São horas de voltar para a aula e deixar cá fora todas as fantasias e histórias deste carnaval.